quinta-feira, 20 de abril de 2017

às vezes a resposta é silêncio


Resultado de imagem para tumblr





em cada uma das linhas de um poema aconteço.   dispo-me de tudo aquilo que me prende debaixo da pele.   na véspera do verso acontecem todas as coisas que queria dizer mas não sou capaz.   todas as saudades, as tardes, os olhos.   na véspera do verso sou vento, tenho paz.






7 comentários:

Pedro Coimbra disse...

E depois transmite-nos essa paz.
Bjs, bfds

UIFPW08 disse...

Lindo post. Linde parole
Beijos meus
Morris

✿ chica disse...

Muito lindo ! bjs, tudo de bom,ótimo feriadão! chica

Lucy Mara Mansanaris disse...

Boa tarde Margot
Encanta-me profundamente essa tua delicadeza no traduzir.
Seu espaço também é lindo demais, grata pelo acesso.
Meu carinho.

Suzete Brainer disse...

Um silêncio fértil de Poesia!...

Bj.

Maria Rodrigues disse...

E no silêncio se encontra a paz e nascem maravilhosos poemas como este.
Bom fim de semana.
Beijinhos
Mraia

Majo Dutra disse...

É muito interessante saber que o ato criativo
concede-lhe equilíbrio e paz.
Dias felizes.
~~~~~~~